Vitamina D vs. Coronavírus

Gente, está rolando um monte de questionamentos aí na net sobre vitamina D e coronavírus, por isso nós nos sentimos no dever de esclarecer algumas coisas a vocês.

Primeiro, vitamina D é aquela que a gente consegue tomando sol. Mas tem horário certo e tempo certo (15 a 20 minutos de sol sem proteção solar e com braços e pernas expostos todos os dias).

Se não for uma realidade pra você, o correto seria tomar alguns comprimidos de reposição da vitamina para quem tem falta. Porque para começar você nem sabe se tem falta, ou sabe?

Sinais de Vitamina D baixa

Esses são os sintomas de Vitamina D baixa:

Espasmos musculares. Sensação de cansaço, fraqueza e/ou mal-estar. Dor nos ossos e nos músculos. Osteoporose em adultos. Fraqueza nos ossos.

Em quais alimentos ela pode ser encontrada?

Você encontra Vitamina D em Óleo de fígado de bacalhau, bife de fígado, gema de ovo, atum, sardinha, salmão selvagem, queijo fortificado e cogumelos.

Até aí aulinha de ciências, mas vitamina D tem relação com o combate da COVID-19?

Nãoooooooooooo. Mais uma “Fake News”, pelo amor de deus não caiam nessa.

A vitamina D auxilia no bom funcionamento do organismo e influencia consideravelmente no sistema imunológico. É necessária para a manutenção do tecido ósseo. São esses os benefícios da vitamina.

Mas ter bastante vitamina D no corpo ou, na pior das hipóteses, o excesso dela não vai garantir que você seja imune ao Coronavírus… Não adianta ficar no sol, comer esses alimentos ou tomar comprimidos. Vitamina D não ajuda a prevenir ou matar o coronavírus.

Máscara, água e sabão e álcool em gel continuam sendo a forma mais eficiente de se evitar a contaminação.

E excesso da vitamina o que causa?

O excesso da vitamina D causa hipercalcemia (excesso de cálcio no corpo por excesso de ação da vitamina D), desidratação grave, insuficiência renal, fraqueza muscular e cálculos renais.

Logo, por favor, antes de qualquer coisa chequem as mensagens que recebem, olhando em sites oficiais. O grupo do whats da família nem sempre traz informações boa. E, mais, só repassem o que realmente têm certeza de que é verdade. Não contribuam para a disseminação de notícias mentirosas.

E só para reforçar não há estudos que digam que vitamina D previna ou combata o COVID-19, ou seja, mais uma invenção da cabeça de algum desocupado, que está precisando vender vitamina.