Por que a china é o maior exportador de produtos eletrônicos e continua crescendo ?

 


A china vem crescendo suas exportação quando se trata de "coisas baratas", mais a gente sabe que nem sempre são de boas qualidades, e isso leva em conta ao preço dos produtos vendidos, mais não são de má qualidade, mais sim com o preço muito baixo.

Os produtos exportados da china, nem sempre são ruim, mais a criação de produtos chineses para o mercado mundial, são mais baratos, e com itens mais baratos, além de terem a sua criação com produtos de baixa qualidade, isso é, produtos quem as vezes na hora de sua criação são criados com outros produtos, ou até mesmo, pouco uso de matérias em sua criação.

Os produtos chineses são mundialmente  vendidos em massa, com seu melhor comprador o Brasil, trazendo diversos matéria, mais barata, para a criação de seu produto interno para ser mais competido, dentro do mercado mundial, levando sempre os compradores buscar o mais barato, por exemplo: existe dois tipos de mouse, um feito internamento pelo Brasil, e outro produzido na china, os dois tem as mesma características, mais o chinês tem peças mais baratas e mais frágil do que a nacional, isso é, o produto vendido na china sempre vai ser levado em conta o seu preço no qual é 10 vezes mais barato do que o nacional, mais com uma duração menor, e com material de má qualidade.

Os produtos vendidos na china fazem com que outras empresas no mundo perca a sua concorrência, por ser um produto mais barato, no qual outras empresas do mundo não consegue fazer o preço justo para repassar aos clientes, e acabam perdendo espaço no mercado.

Além de produtos serem mias baratos, a mão de obra chinesa, também são muito baratas, não precisando pagar salários altos, para manter um empregado na linha de produção, ou até mesmo a mão de obra escrava, na qual pessoas ganha menos de 2 dólares por dia.

A briga entre EUA e a China vem sendo muito discutida, por conta de um grande crescimento militar chinês, e também de seus produtos nos quais são vendidos, e não tem tanta concorrência no mercado mundial, onde podem levar outras empresas a falência.