O namoro acabou. Como lidar com ex?

Até pouco tempo atrás, diria que você precisa procurar ter uma relação saudável com aquele alguém que já foi tão importante na sua vida. Se eu continuasse com tal percepção, ainda estaria engessado no passado, em coisas que não vão voltar e dessa forma, me impedindo de seguir em frente. O namoro acabou porque aquele vínculo foi quebrado, então qualquer outro tipo de relação ou contato não é saudável.

Publicidade

Eu sempre procuro fazer uma função entre ser bom para os outros, mas não esquecer de ser bom para si mesmo. Não importa o quanto aquele alguém ainda queira algo com você, independente do que seja, precisa ser pessoal agora então os outros não importa, aquele alguém que você tinha em sua vida, agora, também não importa.

Existem histórias que se ficarmos presos nelas, vamos entrar em um loop infinito de reviver coisas que já passaram e dessa forma não vamos produzir nada novo, não vamos conhecer pessoas, não vamos estar vivendo o agora… Pode ser que tenhamos saudades, mas necessitamos de força para dizer não, dizer chega! Merecemos a felicidade, e nada menos do que isso, quem aceita migalhas são os pombos.

Publicidade
LEIA:  Como lidar com o fim de um namoro?

As pessoas são falhas, e dessa forma um relacionamento pode acabar. Agora, caso continue acompanhando a vida do ex, se ele conseguir seguir em frente, se ele acabar investindo na aparência; qual será sua reação? Além de ficar se questionando em como as coisas seriam agora, o sentimento de culpa vai acabar estragando seu dia, sua vida. E na busca por felicidade, todas essas coisas negativas serão reflexo do caminho que você escolheu. Não foi a vida, foi você…

Não é desprezar o que foi bom, é não desgastar as lembranças que restam.

Não é sempre que podemos cortar pessoas tóxicas de nossa vida, e a culpa é nossa por se envolver com alguém que frequenta as mesmas aulas, que é do ambiente de trabalho, que é do mesmo circulo social… Também sei que, por vezes, é inevitável e essas coisas acontecem, mas assim como você acha que vai durar para sempre, você precisa se lembrar que pode acabar em qualquer momento. A Monja Coen falou uma vez que nada é permanente, e isso inclui relacionamentos.
Em todo caso, e de forma universal, a base de tudo precisa ser o respeito. não importa o quanto você magoou alguém, ou acabou sendo magoado. Não é porque o relacionamento acabou que agora você tem a liberdade de falar o que quiser sobre o ex. O melhor e mais saudável seria que não falasse nada. Sabe aquela história de que foi bom enquanto durou?
Mais do que não falar sobre o ex, não se permita escutar. Quando alguém vier lhe trazer notícias sobre quem fez parte de um passado, saiba dizer “não”. A sua história é o agora e o futuro, se foi bom no passado, que ótimo, mas a vida é o agora. Enquanto nos engessarmos sobre algo que já acabou, dificilmente vamos ter forças para encarar os desafios de hoje em busca da única coisa que importa agora; nossa felicidade.
A reflexão que fica é a seguinte: Não é desprezar o que foi bom, é não desgastar as lembranças que restam. Deixe seu ex viver a vida dele e cuide da sua!
Publicidade

Deixe uma resposta